Como a ressonância magnética ajuda no diagnóstico de doenças

Início/Exames/Como a ressonância magnética ajuda no diagnóstico de doenças

Como a ressonância magnética ajuda no diagnóstico de doenças

Um exame de imagem de grande importância, a ressonância magnética é responsável por revelar imagens em alta definição do interior do corpo, auxiliando a detecção de tumores, lesões, entre outros problemas.

Uma das grandes vantagens da ressonância magnética é que o paciente não é exposto à radiação, sendo considerada entre os especialistas um exame padrão ouro para o diagnóstico.

Como é feito o exame de ressonância magnética

A máquina de ressonância magnética é composta por uma maca, onde o paciente fica deitado e entra num equipamento parcialmente fechado. Por isso, este exame pode causar certo desconforto a alguns paciente, já que é preciso ficar imóvel durante todo o procedimento.

O paciente deve estar sem materiais metálicos, como brincos, anéis e colares. É importante que ele informe o uso de marcapasso ou prótese, além de medicamentos e cirurgia prévias. Assim, é possível entender se há condições que impossibilitam a realização do exame.

Por fazer um barulho intenso, é possível utilizar protetores de ouvido para que haja mais conforto durante a ressonância magnética. O paciente tem ao seu alcance um dispositivo, para avisar ao operador, em caso de algum problema.

Em certos casos, é preciso inserir contraste por via intravenosa. Desta forma, é possível visualizar com mais facilidade as estruturas internas. Na ressonância magnética, o contraste utilizado é o gadolínio, que raramente causa alergias ou efeitos colaterais.

Ressonância magnética identifica uma variedade de doenças

Essa é um verdadeiro trunfo da ressonância magnética: auxiliar diversas especialidades médicas na detecção de doenças. Por conseguir captar imagens de qualquer parte do corpo, este exame de imagem é eficiente no diagnóstico de patologias como aneurismas, derrames, tumores, tendinites, malformações e doenças cardíacas.

Isso porque a ressonância magnética é utilizada para avaliar os tecidos moles do corpo, onde está a maior concentração de água. Por isso, é uma ferramenta poderosa na avaliação de doenças no cérebro, músculos, tendões, ligamentos e órgãos como o fígado e rins.

O mais importante é que com a ressonância magnética, é possível detectar doenças mesmo em seu estágio inicial, o que é muito importante, principalmente ao pensar em patologias como o câncer, por exemplo.

Você pode agendar o seu exame de imagem conosco. Na Tesla Imagem, você tem acesso ao equipamento de ressonância de magnética de última tecnologia. Nossa equipe é especializada em laudos de alta qualidade, prontos para auxiliar seu médico a dar um diagnóstico real.

Além da ressonância magnética, também realizamos exames como ultrassonografia, tomografia, e muito mais. Agende agora seu exame com quem realmente entende do assunto

Por |2019-03-14T13:07:12+00:0013 de março de 2019|0 Comentários

Sobre o Autor:

Avatar

Deixar Um Comentário