Exame de ressonância: para que serve e como funciona

Início/Exames/Exame de ressonância: para que serve e como funciona

Exame de ressonância: para que serve e como funciona

A ressonância magnética é um exame muito importante, que permite captar imagens dos órgãos internos com total nitidez. Por meio de campos magnéticos e pulsos de radiofrequência as imagens são formadas, sendo desta forma um exame seguro para pessoas de todas as idades, inclusive gestantes.

Com a ressonância, é possível analisar e diagnosticar problemas como esclerose múltipla, câncer, infartos, fraturas, entre outras doenças. O procedimento não causa dor e é muito rápido.

Para que serve o exame de ressonância?

O exame de ressonância magnética serve para diagnosticar doenças neurológicas, ortopédicas, abdominais, cervicais e cardíacas, podendo examinar quase todas as regiões do organismo, como sistema nervoso central, articulações, ossos, músculos, sistema cardiovascular, sistema reprodutor e urinário, sistema respiratório, etc.

Com técnicas avançadas, a ressonância permite também avaliar a vascularização dos tecidos, seus componentes moleculares, direção e movimentação de líquidos e tecidos, quantidade de gordura e ferro, falta de oxigênio, entre outros.

Como funciona o exame de ressonância magnética?

O aparelho de ressonância magnética consiste em um tubo e uma maca. Com o paciente deitado, a maca é inserida no tubo – para que se possa iniciar a captação das imagens.

O paciente deve ficar imóvel durante todo o procedimento, para que o equipamento possa fazer a leitura correta. O aparelho envia ondas de rádio, que produzem vibrações no corpo e são enviadas e digitalizadas no computador.

Durante sua realização, o equipamento faz um barulho alto, e por isso o paciente fica com fones de ouvido durante todo o tempo. Além de abafar o ruído, o médico pode falar com o paciente, caso necessário.

Por ser um tubo fechado, alguns pacientes podem ter dificuldades e um certo incômodo para fazer o exame. Em casos específicos, pode ser liberada a aplicação de sedação. O paciente também fica com um sinalizador em mãos, caso precise se comunicar com o técnico.

O exame não requer preparo – exceto em casos em que se faz necessária a aplicação de contraste. Para isso, é preciso fazer jejum antes do teste.

Para pessoas que já fizeram o exame anteriormente, é importante levar os últimos resultados, para que o laudo possa fazer uma análise mais completa e esclarecedora, auxiliando ainda mais o diagnóstico do médico. 

Antes de iniciar o exame, o paciente responde a um questionário com informações que garantem sua segurança. Além disso, ele precisa tirar todos os objetos metálicos em seu corpo. 

Pessoas com próteses, marca passo ou qualquer outro item deste tipo, não são elegíveis para realizar a ressonância magnética. Isso porque há riscos desses implantes se moverem internamente durante o exame – podendo trazer sérios problemas ao paciente. 

Para fazer seu exame com segurança e tranquilidade, conte com a Tesla Imagem. Somos especialistas em exames de imagem, principalmente a ressonância magnéticas. Nossa equipe possui conhecimento das técnicas mais avançadas, além de um atendimento humanizado para acolher pessoas de todas as idades. Agende já seu horário!

 

Por |2019-08-01T12:43:07+00:0031 de julho de 2019|0 Comentários

Sobre o Autor:

Avatar

Deixar Um Comentário