Quando a mamografia digital é indicada?

Início/Exames/Quando a mamografia digital é indicada?

Quando a mamografia digital é indicada?

A mamografia digital é um exame que deve ser realizado periodicamente entre mulheres acima de 40 anos. É um exame que previne o câncer de mama e que pode localizar a doença em seu estágio inicial, facilitando assim o tratamento e a possibilidade de cura. 

Para quem é indicada a mamografia digital?

Esse exame deve ser de rotina para mulheres acima de 40 anos de idade, buscando a prevenção de câncer de mama. Com a mamografia digital é possível identificar problemas como lesões benignas e avaliar o tamanho de nódulos do seio.

O exame deve ser realizado uma vez a cada dois anos em pessoas que não possuem histórico de câncer de mama na família. Já para as pacientes que possuem mãe ou avós que tiveram câncer nos seios, a recomendação é que a mamografia seja feita todos os anos. Neste último caso, as mulheres com histórico familiar podem começar a realizar mamografia digital a partir de 35 anos.

Também é recomendável que a mulher faça a avaliação dos seus seios em casa regularmente, preferencialmente em frente ao espelho. Nessa avaliação ela deve apalpar os seios em busca de nódulos, inchaço, dores ou até mesmo mudança de coloração nas auréolas dos seios. Caso a mulher note algum desses sintomas, é necessário marcar uma consulta em um ginecologista para a realização do exame.

Para quem a mamografia digital não é indicada?

A mamografia não é recomendada em pacientes com menos de 35 anos. Nesta idade, a mulher ainda não possui as mamas densas e firmes, o que pode provocar muita dor durante o exame. Além disso, os raios-x não conseguem penetrar os tecidos, fazendo com que o exame seja ineficiente. 

Para mulheres abaixo dessa idade, o médico costuma recomendar uma ultrassonografia!

Para que serve a mamografia digital?

Diferente da mamografia comum, a digital consegue analisar microcalcificações e nódulos pequenos, identificando o câncer em estágio inicial. A alta resolução desse exame consegue ver tumores menores de 2 cm e também indicar a característica desse nódulo.

A identificação do câncer de mama no estágio inicial é primordial para que o tratamento e cura sejam mais efetivos! 

Como é o exame de mamografia digital?

Assim como o exame convencional, a paciente deverá colocar a mama sobre o aparelho, que irá fazer uma leve pressão. 

Algumas pacientes podem sentir uma leve dor durante o exame, por causa da pressão. Essa dor não causa problemas à paciente e é necessária para que o aparelho consiga captar imagens do interior da mama. O exame é bem rápido e o desconforto não dura muito tempo após o exame. 

A grande vantagem da mamografia digital em relação a convencional é que ela causa muito menos desconforto na hora da compressão. Além disso, a imagem é obtida com maior facilidade, não exigindo que a mama seja comprimida por muito tempo.

As imagens digitais da mamografia vão diretamente para um computador, onde o radiologista consegue ampliar a imagem, melhorar o contraste, fazer comparações com exames anteriores e muitas outras opções. 

Por ser uma imagem digital, pode ser facilmente enviada ao médico para acompanhamento do exame, sem o risco de que a imagem seja danificada com o tempo. 

Os resultados costumam sair rapidamente após a realização do exame de mamografia digital. Eles devem ser avaliados pelo médico que solicitou a mamografia.

Por |2020-04-03T23:45:59+00:001 de abril de 2020|0 Comentários

Sobre o Autor:

Avatar

Deixar Um Comentário