Conheça os exames de imagem para cada fase da vida da mulher

Início/Exames/Conheça os exames de imagem para cada fase da vida da mulher

Conheça os exames de imagem para cada fase da vida da mulher

A saúde é uma preocupação presente em todas as fases da vida da mulher. 

Através de consultas preventivas e exames de imagem, seja no momento da gravidez ou em consultas periódicas, a mulher consegue manter a sua qualidade de vida e evitar complicações futuras. Conheça agora os principais exames de imagem em cada momento da sua vida. 

Antes dos 20 anos

Geralmente é nesta fase em que a mulher inicia sua vida sexual, precisando de um acompanhamento maior de sua saúde. Segundo dados do Inca (Instituto Nacional do Câncer), o período entre 15 e 29 anos é o período de maior risco para se desenvolver câncer do colo de útero.

Dentre os exames mais solicitados nesta fase está a ultrassonografia pélvica transvaginal, um dos principais exames para identificar alterações no colo do útero da mulher. Além disso, o exame também permite avaliar a presença de miomas, adenomiose, espessura do endométrio, avaliação de causas de sangramento, ovários polimicrocísticos, tumores e cistos de ovário, divertículo de uretra, pesquisa de gestação, entre outros.

Entre 20 e 30 anos

Ao ter sua vida íntima mais estabelecida, o acompanhamento médico ajuda a garantir sua saúde íntima. Outro ponto é que nesta fase, as mulheres geralmente engravidam – e o acompanhamento pré-natal se faz essencial. 

Por isso nesta fase da mulher, há diversos exames de imagem importantes.

O ultrassom de monitoramento de ovulação auxilia aquelas que estão planejando a gravidez, ajudando a identificar o período mais provável de ovulação.

Já durante a gravidez, ao menos 4 tipos diferentes de ultrassom são realizados – tudo para garantir que o bebê e a mãe estejam saudáveis e o feto se desenvolvendo corretamente para seu nascimento. 

O primeiro ajuda a estabelecer a quantidade de embriões, tempo de gestação e localização da gravidez; já o segundo tipo avalia a anatomia do bebê e se há riscos de doenças genéticas e translucência nucal.

O terceiro ultrassom vai identificar o sexo do bebê, o estado da placenta, líquido amniótico, riscos de má formação e de doença genética – e também pode ser feito em 3D, para que os pais possam ver o rostinho do bebê.

Já o quarto tipo de ultrassom vai verificar o funcionamento e localização da placenta, além do peso e desenvolvimento do bebê. 

Dos 30 aos 40 anos

Os exames de rotina se tornam mais presentes, principalmente para as mulheres com histórico familiar ou com algum tipo de predisposição – como as fumantes, por exemplo.

A mamografia é indicada para mulheres acima dos 35 anos, e ajuda na identificação de nódulos mamários – ajudando na prevenção do câncer de mama. Há também o ultrassom de tireoide, que identifica se há lesões ou alterações na região.

A partir dos 40 anos

Nesta fase, há um risco maior para câncer no intestino, fazendo-se necessário a realização da ultrassonografia de abdome total, para identificar a presença de alterações importantes na região.

A densitometria óssea também é um exame que pode ser solicitado nesta fase, ajudando a avaliação da massa óssea e a predisposição de fraturas.

Todos esses exames estão disponíveis na Tesla Imagem, agende seu horário agora mesmo!

 

Por |2020-03-18T12:42:39+00:0018 de março de 2020|0 Comentários

Sobre o Autor:

Avatar

Deixar Um Comentário