Ressonância magnética fetal: como é realizada?

Início/Exames/Ressonância magnética fetal: como é realizada?

Ressonância magnética fetal: como é realizada?

A ressonância magnética fetal é um exame de imagem muito importante para avaliar a saúde e o desenvolvimento do sistema nervoso central (SNC) do feto. Ao contrário do ultrassom, ele é capaz de avaliar alterações morfológicas desta região.

Esse exame é valioso durante o pré-natal, pois fornece informações importantes sobre a anatomia do cérebro do feto. Se você precisa fazer este exame e ainda está com dúvidas de como ele é realizado, acompanhe o nosso artigo e tenha todas as informações importantes sobre a ressonância magnética fetal.

Quando eu posso fazer uma ressonância magnética fetal?

Este exame pode ser realizado a partir da décima segunda semana de gestação, sem apresentar qualquer risco à mãe ou ao feto. Além disso, a ressonância magnética fetal não precisa de contraste, dando ainda mais segurança.

A ressonância magnética fetal também é um importante instrumento para avaliar não apenas o sistema nervoso central como também os demais órgãos do feto. O exame também pode ser solicitado para a avaliação de placenta baixa ou acretismo placentário, ou seja, quando a placenta invade a parede uterina.

Há também outras indicações para a ressonância magnética fetal:

  • Malformações cerebrais
  • Defeitos na coluna do feto
  • Malformações pulmonares ou dos rins
  • Posição e profundidade da placenta
  • Hérnia diafragmática
  • Presença de oligodramnia severa

Como é feita a ressonância magnética fetal

A realização do exame segue os mesmos passos de uma ressonância magnética comum. No entanto, para que a gestante se sinta mais confortável, ela pode ser levada a um aparelho de campo aberto, diminuindo a fobia de lugares fechados.

A duração é de cerca de 30 minutos. Pode se prolongar caso haja a necessidade de análise de mais áreas do feto ou necessidade de paradas, para deixar a paciente mais confortável.

A ressonância magnética fetal apenas é contraindicada em casos da paciente possuir algum componente metálico, como:

  • Clipes de aneurisma
  • Implantes de ouvido ou oculares
  • Marca-passo cardíaco
  • Fixadores ortopédicos

Após o exame, a gestante estará liberada para realizar suas atividades diárias. Na Tesla Imagem, todos os procedimentos são realizados por uma equipe altamente capacitada e com equipamentos de última tecnologia, a fim de oferecer os melhores diagnósticos.

Nosso atendimento visa respeitar a privacidade de cada paciente, com salas individuais e toda a assistência necessária para que você se sinta seguro e acolhido.

Marque seu exame agora mesmo!

 

Por |2018-11-16T00:36:47+00:0014 de novembro de 2018|0 Comentários

Sobre o Autor:

Avatar

Deixar Um Comentário